Principal » Famílias » 20 maneiras de distrair uma criança

20 maneiras de distrair uma criança

Criança em casa deveria ser sinônimo de muita criatividade para os pais e mães. Vamos combinar que não é nada sadio deixar esses pequenos cérebros em formação horas e horas na frente de uma televisão, computador ou vídeo game. Claro que é muito mais fácil, mas depois não vai dar para reclamar se o filho tiver alguns quilos a mais por não fazer nenhum exercício físico ou se ele quiser trocar a festinha da família pelo jogo no computador.

A pesquisa Painel Nacional de Televisão, realizada pelo Ibope em 2011, diz que as crianças brasileiras, entre quatro e onze anos, assistem em média cinco horas e dezessete minutos de TV por dia. Os dados são de crianças das classes A, B e C. Isso significa que, se elas ficam uma parte do dia na escola, a outra parte é gasta na frente da televisão, comprometendo o tempo que deveria ser para brincadeiras e interação entre a família.

Veja algumas ideias divertidas que com certeza vão deixar os seus filhos super animados. E claro, um momento único de diversão entre a família.

1- Pintura. Pode ser com tinta guache ou lápis de cor. Não tem criança que não se entregue a essa brincadeira.

2- Filme ou desenho. Claro que nada pode ser drástico. Assistir junto com o filho um filme ou desenho é divertido e prazeroso.

3- Música. Dos menores aos maiorezinhos… Normalmente todos eles adoram música. Seja dançar, cantar ou tocar um instrumento musical.

4- Preparar alimentos. Se a criança já tiver pelo menos dois anos já dá para levá-la para a cozinha e preparar pratos fáceis, como um bolo ou uma salada de frutas.

5- Pular amarelinha. É uma brincadeira antiga, mas ainda vale a pena. Hoje também dá para comprar prontinha de plástico ou de E.V.A. Se a ideia é não gastar dinheiro também pode ser feita como antigamente na calçada de casa, com giz ou pedaço de tijolo.

6- Jogo de memória. A facilidade da internet também pode ajudar na hora da brincadeira. A criança pode confeccionar o próprio jogo.

7- Caixa de papelão. Não conheço uma criança que não goste de brincar com uma caixa. Ela pode criar um carrinho, um foguete, uma casinha de bonecas e tudo mais que a imaginação quiser.

8- Parquinho. Nada como um balanço e um escorregador para acalmar uma criança. Se tiver perto da sua casa aproveite! Mas sempre observe o estado de conservação dos brinquedos e nunca deixe a criança sozinha, não importa a idade.

9- Bolinha de sabão. Fácil! Água, sabão e um canudo. É diversão na certa.

10- Leitura. O incentivo à leitura começa cedo. Sentar com as crianças e livros é uma recreação divertida. Você pode contar histórias ou deixar que elas usem a imaginação.

11- Jogo da Velha. É um passatempo bem popular e fácil de ser compreendido. O tabuleiro são duas linhas horizontais e duas verticais. Dois jogadores escolhem uma marcação cada um, geralmente um círculo (O) e um xis (X). Os jogadores jogam alternadamente, uma marcação por vez, numa lacuna que esteja vazia. O objetivo é conseguir três círculos ou três xis em linha, quer horizontal, vertical ou diagonal, e ao mesmo tempo, quando possível, impedir o adversário de ganhar na próxima jogada.

12- Stop. É um jogo super divertido para crianças maiorezinhas. Só precisa de papel e caneta. Para começar desenha-se uma tabela em um papel para cada jogador. Cada coluna recebe o nome de uma categoria de palavras como animais, automóveis, nomes pessoais, cores, etc. E cada linha representa uma rodada do jogo. Depois é só escolher uma letra do alfabeto e os participantes imediatamente têm que preencher uma linha inteira da tabela, com uma palavra (que seja começada com a letra sorteada) para cada coluna, devendo a palavra ser relacionada ao título daquela coluna. Quem terminar primeiro grita “stop” e todos os jogadores têm que deixar o jogo como está. Depois é só contar os pontos.

13. Quebra-cabeça. Com a supervisão de um adulto as crianças podem até confeccionar um quebra-cabeça. Podem escolher figuras, colá-las num papelão e depois recortar. É um ótimo passatempo.

14. Jogos de tabuleiro. Eles estimulam o raciocínio, a atenção e a concentração. Exemplos de jogos: xadrez, damas, banco imobiliário, ludo, etc.

15- Som do útero. Temos uma salvação para as mamães de recém-nascidos que dão um pouco de trabalho. Sons parecidos com o que ele ouvia no útero acalmam esses pequeninos. Pode ser o som de um secador de cabelo, não muito alto, pois também pode assustar o bebê.

0f2762b22c2c55aabea5a9efe9a0f5e5_M
16- Acampar na sala. É uma bagunça super divertida. Pode utilizar os sofás como base para os cobertores e, claro, não dá para esquecer a lanterna. Até dá para passar a noite nesse “acampamento” caso ninguém da família tenha compromissos cedo no dia seguinte.

17- O mestre mandou. Um dos participantes é encarregado de ser o mestre e ficará à frente dos outros jogadores. Ele dará as ordens e todos os seguidores deverão cumpri-las desde que sejam precedidas das palavras de ordem: “O mestre mandou”. A diversão está na dificuldade das tarefas dadas pelo chefe.

18- Fazer uma horta. Ela pode ser feita no quintal de casa ou mesmo em vasos na área de serviço. A hortinha ocupa pouco espaço e a criança pode ajudar também na escolha das sementes ou mudinhas.

19- Recortar e colar. Revistas, jornais e livros podem ser fonte de muita criatividade para os pequenos. Sob supervisão de um adulto, podem recortar figuras e colar, criando uma história.

20- Mímica. Precisa de pelo menos dois participantes, mas se tiver mais crianças dá para fazer grupos e um fazer a mímica para o outro. Também pode ser feito por temas, como filme, música, palavras, etc.

Fonte: Familia.com.br/ Caroline Canazart

 

Sobre ewerton.ventura

Veja também

américa latina

Francisco, quarto Pontífice a visitar a América Latina

O Papa Francisco será o quarto pontífice a realizar viagem pastoral à América Latina, após …

Um comentário

  1. viviane shibata lopes

    Muito valiosa a dica! tenho 2 meninas e às vezes a gente acaba ficando perdida com o corre-corre…….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *