Principal » Jovens » Francisco aos jovens: “Não se pode desperdiçar a vida dando voltas”

Francisco aos jovens: “Não se pode desperdiçar a vida dando voltas”

Papa Francisco em uma visita pastoral por Molise, na Itália. Se encontra com jovens da diocese de Abruzzo e Molise, e faz um discurso voltado a eles, cheio de esperança.

Confira a mensagem do Santo Padre:

“De um lado, Papa_Franciscoestejam à procura daquilo que realmente conta, que permanece estável no tempo e é definitivo, estejam em busca de respostas que iluminem a mente de vocês e aqueça o coração não somente no espaço de uma manhã ou por um breve trecho de estrada, mas para sempre. A sociedade de hoje e seus modelos culturais, por exemplo, a ‘cultura do provisório’, não oferecem um clima favorável para a formação de escolhas de vida estáveis com laços sólidos, construídos numa rocha do amor, de responsabilidade, mas na areia da emoção do momento.

Hoje escolho isso, amanhã aquilo, mas, vou para onde o vento sopra; ou quando acaba meu entusiasmo, minha vontade, inicio outro caminho. E assim se dá voltas pela vida, como num labirinto! O caminho não é o labirinto. Não se pode desperdiçar a vida dando voltas.

Todavia, caros jovens, o coração do ser humano aspira coisas grandes, valores importantes, amizades profundas, laços que se reforçam nas provações da vida, ao invés de romper-se. O ser humano aspira amar e ser amado: essa é a nossa aspiração mais profunda.

A cultura do provisório não exalta a nossa liberdade, mas nos priva do nosso verdadeiro destino, das metas mais verdadeiras e autênticas. É uma vida em pedaços. É triste chegar a uma certa idade, olhar o caminho que fizemos e descobrir que foi feita em diferentes pedaços, sem unidade, sem definição: tudo provisório.

Não deixem que lhes seja roubado o desejo de construir na vida de vocês coisas grandes e sólidas! É isso que nos leva adiante. Não se contentem com pequenas metas! Aspirem à felicidade, tenham coragem, a coragem de sair de vocês mesmos, de arriscar plenamente o futuro de vocês junto a Jesus. Ele nos ama definitivamente, escolheu-nos definitivamente, doou-se definitivamente a cada um de nós. É nosso defensor e irmão mais velho e será nosso único juiz.

Tenham coragem e esperança também ao enfrentar as dificuldades derivantes dos efeitos da crise econômica. A coragem e a esperança são dotes de todos, mas, em particular, dos jovens: coragem e esperança.”

Fonte: Rádio Vaticana

Sobre ewerton.ventura

Veja também

Deus nos presenteou com sua vida

Hoje estava pensando a respeito de nosso grupo de jovens: Jovens Seduzidos por Jesus. Fiquei …

Deixe uma resposta